Washington, 10 out (EFE) - O diretor-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Dominique Strauss-Kahn, disse que é urgente um alto nível de cooperação internacional para enfrentar a crise de confiança nos mercados globais, que voltam a registrar hoje fortes perdas.

"É urgente que haja um alto nível de cooperação internacional", afirmou o chefe do FMI em discurso em Washington, onde hoje acontece a reunião os líderes do Grupo dos Sete (G7, sete nações mais ricas do mundo), formado por Estados Unidos, Canadá, Japão, Reino Unido, Alemanha, França e Itália. EFE tb/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.