Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

STMicroelectronics reduz previsão de receita no 4tri; ação cai 5,6%

A STMicroelectronics, maior fabricante de chips da Europa, reduziu sua previsão de receita para o quarto trimestre, sentindo o efeito da crise sobre a demanda. O grupo afirmou que prevê faturar entre US$ 2,2 bilhões e US$ 2,35 bilhões no período, o que significa um declínio entre 13% e 18,5% em comparação com a receita de US$ 2,7 bilhões obtida no terceiro trimestre deste ano.

Agência Estado |

As ações da empresa recuavam 5,6% em Paris, por volta das 10h (de Brasília).

Há apenas uma semana, o executivo-chefe da companhia, Carlo Bozzotti, havia reiterado a previsão do grupo de que a receita ficaria estável ou cairia até 8% nessa base de comparação, mas alertou que estava "muito difícil prever" a demanda dos consumidores em dezembro.

Em comunicado, a fabricante disse que observou debilidade na maior parte das áreas geográficas e segmentos de mercado em que atua. "A revisão da previsão para a receita é conseqüência da recente desaceleração do faturamento, das mudanças substanciais da demanda dos consumidores e do adiamento de encomendas previstas para dezembro", disse a companhia.

Outras empresas do setor já reduziram suas previsões nas últimas semanas. A Intel alertou que sua receita no quarto trimestre será 20% menor que a esperada antes, por causa da "demanda significativamente abaixo do esperado". As fabricantes de chips alemãs Qimonda e Infineon afirmaram que estão reduzindo sua força de trabalho. E a maior cliente da STM, a fabricante de telefones celulares finlandesa Nokia, também afirmou este mês que a "mudança rápida" dos gastos dos consumidores vai prejudicar seu lucro. A Nokia responde por cerca de 20% do faturamento da STM. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG