monstruoso plano americano de socorro financeiro - Home - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Stiglitz qualifica de monstruoso plano americano de socorro financeiro

O prêmio Nobel de economia Joseph Stiglitz chamou de monstruoso para os contribuintes o plano da administração americana para socorrer o setor bancário, em entrevista concedida a um jornal alemão.

AFP |

Este plano "não é mais que uma solução de curto prazo", declarou ao jornal Frankfurter Allgemeine Sonntagszeitung (FAS), que publicará a entrevista neste domingo.

"Colocaram os investimentos de risco nas mãos dos contribuintes. Como nenhum investidor privado quer correr riscos, passaram isto aos contribuintes; é algo monstruoso", disse o prêmio Nobel de 2001.

Joseph Stiglitz vê a crise atual como o fim de "um modelo econômico desastroso" e da crença que "os mercados livres e sem regulamentação funcionam sempre".

Segundo o economista, tanto o sistema financeiro americano como o governo dos EUA perderam a credibilidade.

O governo do presidente George W. Bush propõe um resgate de 700 bilhões de dólares para o setor financeiro durante dois anos, com o secretário do Tesouro, Henry Paulson, tendo autoridade para comprar os ativos podres para dissipar a grave crise financeira, segundo a imprensa americana.

Leia tudo sobre: nobelstiglitz

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG