Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Steve Jobs, da Apple, está em tratamento para desequilíbrio hormonal

Nova York, 5 - O presidente-executivo da Apple, Steve Jobs, em uma tentativa de acabar com as especulações em torno da sua saúde, informou estar passando por tratamento por causa de um desequilíbrio hormonal, mas pretende continuar no comando da empresa. Às 13h09 (de Brasília), as ações da Apple subiam 3,03% em Nova York.

Agência Estado |

A misteriosa perda de peso de Jobs provocou uma onda de especulações em Wall Street em 2008 e ganhou força com a inesperada decisão dele, anunciada no mês passado, de não participar da Macworld Conference & Expo, evento no qual a empresa costumava anunciar novos produtos. O presidente-executivo da Apple discursou na conferência MacWorld em todos os anos desde 1997.

Jobs afirmou que o desequilíbrio hormonal "tem roubado as proteínas que meu corpo precisa para ficar saudável".

"Testes de sangue sofisticados confirmaram o diagnóstico", escreveu o CEO em carta divulgada para o público. "O remédio para este problema nutricional é relativamente simples e direto e já comecei tratamento", acrescentou Jobs. "Mas, da mesma forma que eu não perdi todo esse peso e massa corpórea em uma semana ou um mês, meus médicos esperam que demore até pelo menos o final da primavera (segundo trimestre no hemisfério Norte) para readquiri-lo."

Jobs, que continuará como CEO durante a sua recuperação, afirmou que ele seria "o primeiro a chegar" e dizer para o Conselho da empresa se não pudesse mais cumprir suas tarefas.

A Apple reiterou os comentários de Jobs, afirmando que "se chegar o dia em que Steve quiser se aposentar ou por outros motivos não puder continuar cumprindo suas tarefas como CEO da Apple, vocês saberão". As informações são da Dow Jones.

(Nathália Ferreira)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG