Berlim, 30 out (EFE).- O ministro de Finanças alemão, Peer Steinbrück, espera que vários bancos privados solicitem fundos do programa de resgate aprovado pelas autoridades alemãs por um montante de até 500 bilhões de euros.

"Nos próximos quatro a cinco dias" haverá uma série de institutos que solicitarão essas ajudas, afirma Steinbrück em entrevista ao jornal local "Financial Times Deutschland".

O chefe do Tesouro alemão assegura que entre os bancos que pedirão a ajuda do fundo de resgate haverá também institutos que anunciaram publicamente que não teriam necessidade de solicitar ajudas oficiais.

Até agora, apenas o instituto privado Hypo Real Estate anunciou que solicitará ajudas no valor de 15 bilhões de euros. EFE jcb/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.