Poor`s diz que pode reduzir ratings de dívida de Fannie Mae e Freddie Ma - Home - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Standard Poor`s diz que pode reduzir ratings de dívida de Fannie Mae e Freddie Ma

SÃO PAULO - A agência de classificação de risco Standard & Poor`s disse hoje que pode reduzir a nota de crédito (rating) das dívidas subordinadas e das ações preferenciais das gigantes do setor de hipotecas Fannie Mae e da Freddie Mac como consequência do pacote de salvamento das duas instituições preparado pelo governo. A redução da nota poderia ser de um ou dois degraus a partir do atual nível de AA-.

Valor Online |

Segundo agências internacionais, o rebaixamento de ratings atingiria cerca de US$ 19 bilhões em dívidas subordinadas e US$ 26 bilhões em ações preferenciais emitidas pelas duas companhias.

O rating da dívida sênior das empresas (que tem preferência de pagamento) está mantido em AAA, o mais seguro possível.

Segundo agência, de acordo com os termos que estão sendo discutidos atualmente pelo Senado dos EUA, os detentores de dívidas subordinadas e de ações preferenciais destas duas empresas devem enfrentar um maior risco de subordinação.

Isso significa que em caso de quebra das instituições, possivelmente o governo teria direito de receber de volta os recursos aportados antes dessas classes de investidores. Vale lembrar que as ações preferenciais nos EUA são encaradas quase como bônus perpétuos, ou seja, um dívida que rende juros fixos para o aplicador sem prazo de vencimento.

O rebaixamento seria necessário, segundo a S & P, porque esse risco maior de subordinação não estaria incorporado na nota atual. De qualquer forma, a agência disse que aguardará a redação final da legislação sobre o apoio às duas hipotecárias para tomar uma decisão definitiva.

Há pouco, as ações da Fannie Mae caíam 5,2%, para US$ 11,40, e os papéis da Freddie Mac recuavam 5,9%, a US$ 8,29.

(Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG