Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

SP anuncia fim da vacinação obrigatória contra raiva em bovinos

Ribeirão Preto, 30 - A Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo confirmou hoje o fim da obrigatoriedade da vacinação contra a raiva em bovinos e bubalinos nos municípios das regionais de Mogi das Cruzes, Pindamonhangaba e Guaratinguetá. Os pecuaristas dessas cidades eram os únicos no Estado, até a campanha de maio deste ano, a vacinarem obrigatoriamente os animais.

Agência Estado |

Segundo a Secretaria, os controles de focos da doença e das populações do transmissor pelas equipes da Coordenadoria de Defesa Agropecuária (CDA) possibilitaram a redução drástica no número de propriedades com registro da doença.

Ainda hoje, durante a Feileite, São Paulo lança a segunda etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa. O pecuarista deve vacinar seu rebanho de 1º a 30 de novembro. São Paulo não registra a doença há doze anos e meio e na campanha de vacinação de maio foi registrado o índice de 99,16% de cobertura de um rebanho total de quase 14 milhões de cabeças.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG