Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Soros diz que EUA precisa de bilhões a mais em planos de ajuda

BERLIM (Reuters) - A economia norte-americana precisa de 300 a 600 bilhões de dólares em planos de ajuda para enfrentar a crise financeira, disse o investidor bilionário George Soros segundo uma publicação semanal alemã. Soros disse à revista Der Spiegel que os Estados Unidos precisam de um programa de infra-estrutura, assim como de um grande pacote de estímulo econômico para fornecer dinheiro suficiente às suas cidades e Estados.

Reuters |

"Isso excedeu às minhas expectativas mais ousadas", disse Soros à revista, que começa a circular na segunda-feira. Ele se referiu à dimensão da crise financeira global.

O governo norte-americano lançou um pacote de ajuda de 700 bilhões de dólares para lidar com o tumulto nos mercados.

Mas Soros criticou o secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Henry Paulson, por reagir tarde demais à crise.

"Ele somente reagiu ao problema depois que ele já tinha surgido. Ele não teve habilidade para perceber que estes problemas estavam vindo", disse Soros, acrescentando que Paulson estava "completamente despreparado" para a falência do banco de investimentos Lehman Brothers.

Soros afirmou que tem grandes expectativas quanto à habilidade do presidente eleito Barack Obama de tomar medidas apropriadas.

"A duração da crise depende do sucesso de suas políticas", disse. "Eu tenho grandes esperanças em relação a Obama".

(Reportagem de Kerstin Gehmlich)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG