A gigante da eletrônica japonesa Sony anunciou nesta quinta-feira uma forte revisão para baixo de suas previsões de resultados financeiros para este ano, afetada em cheio pela conjuntura mundial degradada e pela alta do iene.

A Sony, que já havia baixado suas previsões em julho, conta apenas com um lucro líquido anual de 150 bilhões de ienes (1,15 bilhão de euros), contra 240 bilhões previstos anteriormente e 290 bilhões indicados no início de suas previsões.

No ano passado (fechado em março), a Sony registrou um resultado líquido positivo recorde de 369 bilhões de ienes.

"A situação financeira está abaixo de nossas previsões de julho em razão principalmente da forte valorização do iene", justificou o grupo em um comunicado divulgado logo após o fechamento da Bolsa de Tóquio.

"Os resultados das atividades de eletrônicos para o grande público também serão inferiores às previsões de julho devido à degradação da conjuntura, tendo como cenário a desaceleração econômica mundial, e em razão de uma intensificação da guerra dos preços", acrescentou o grupo.

Entre julho e setembro, a Sony foi afetada pelos resultados ruins de suas atividades financeiras, que foram fortemente atingidas pela queda das bolsas.

A gigante japonesa advertiu que "as flutuações dos mercados poderão ter um impacto ainda maior sobre seus resultados".

kap/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.