erro ao elevar o juro para 13,75% - Home - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Skaf diz que BC persistiu no erro ao elevar o juro para 13,75%

SÃO PAULO - O Banco Central persistiu em um grave erro ao determinar o aumento do juro para 13,75% ao ano, afirmou o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, em nota divulgada há pouco.

Valor Online |

O dirigente, que já havia se manifestado negativamente hoje sobre a possibilidade de o Comitê de Política Monetária (Copom) elevar a Selic, reforçou que o aumento de 0,75 ponto percentual inibe o crescimento do PIB, que poderia ser maior do que os 6% dos 12 meses encerrados em junho, conforme o IBGE divulgou hoje.

A contenção do avanço da economia estaria, segundo Skaf, comprometendo o futuro do país sob o argumento de frear a inflação. Skaf voltou a frisar, no entanto, que essa inflação é importada e que o aperto monetário não tem efeito sobre alta de preços de alimentos no mercado internacional.

De nada adianta falarmos de políticas de desenvolvimento, de resgate da dívida social se, cada vez mais, pelo ralo da dívida interna escoa a fatura perversa de crescentes aumentos de juros, acrescentou o dirigente em nota enviada à imprensa, lembrando que o equivoco do BC custa caro e reflete no encarecimento da dívida pública.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG