Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Siemens se mantém firme a metas de 2009

MUNIQUE (Reuters) - O conglomerado industrial alemão Siemens se manteve firme à sua previsão de lucro, focando na produção de mais componentes em países de baixo custo depois que teve um bom início de 2009, apesar dos efeitos da crise de crédito internacional. A companhia, que produz de tudo desde usinas nucleares a locomotivas e lâmpadas, publicou na terça-feira resultado do primeiro trimestre fiscal encerrado em dezembro que ficou acima das expectativas do mercado. O balanço foi impulsionado por forte desempenho da divisão de energia do grupo.

Reuters |

Mas novas encomendas do grupo caíram 8 por cento pressionadas por tombo de 11 por cento nos novos pedidos da divisão industrial, que viu clientes segurando ordens por conta da queda da demanda dos consumidores em uma série de setores da economia.

O lucro total --que cobre todas as três principais divisões da Siemens-- subiu 20 por cento, para 2,005 bilhões de euros (2,64 bilhões de dólares), superando média de estimativas de analistas consultados pela Reuters. A empresa reafirmou meta de lucro anual entre 8 e 8,5 bilhões de euros.

As ações da companhia exibiam alta de 4 por cento às 8h52 (horário de Brasília).

A queda no registro de novas encomendas foi impactada pela desaceleração da área de Indústria de Automação, Tecnologias Automotivas e Soluções Industriais, onde os clientes estão promovendo grandes reduções de estoques.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG