Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Sete Estados e DF concentram 80% do PIB nacional, aponta IBGE

Cerca de 80% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro é proveniente de apenas oito das 27 unidades da Federação e está concentrado em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Paraná, Bahia, Santa Catarina e Distrito Federal.

Agência Estado |

No entanto, a concentração do PIB nessas oito regiões reduziu-se em 1 ponto porcentual (de 79,7% do PIB para 78,7%, ou o equivalente a R$ 23,7 bilhões) entre 2002 e 2006, segundo mostra a pesquisa do PIB regional de 2006 divulgada nesta sexta-feira pelo IBGE.

O levantamento mostra que, entre 2002 e 2006, a Região Norte elevou em 0,4 ponto porcentual sua participação no PIB do País, enquanto o Sul recuou em 0,6 ponto a sua fatia.

No que diz respeito aos Estados, entre 2002 e 2006, São Paulo e Rio Grande Sul foram os Estados que mais perderam participação no PIB total do País. Em São Paulo, houve recuo de 34,6% em 2002 para 33,9% em 2006, enquanto a fatia gaúcha passou de 7,1% em 2002 para 6,6% em 2006.

Segundo o documento de divulgação da pesquisa, São Paulo "recuperou-se ligeiramente em 2005, sem retornar ao patamar de 2002". Já o Rio Grande do Sul retraiu sua participação no PIB em 2004 e 2005, "quando uma forte seca, conjugada à queda de preços dos grãos, reduziu sua participação".

O levantamento mostra também o PIB per capita (por habitante) das regiões. Neste caso, o Distrito Federal continua tendo o maior PIB per capita (R$ 37.600), quase o triplo da média nacional (R$ 12.688) e bem à frente de São Paulo (R$ 19.548) e Rio de Janeiro (R$ 17.695).

Leia tudo sobre: concentração pib ibge

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG