SÃO PAULO - Seis pessoas acabaram mortas nesta quarta-feira durante ataque próximo ao consulado americano em Istambul. A embaixada dos EUA na Turquia considerou a ação um ato óbvio de terrorismo visando aos Estados Unidos.

O governador de Istambul, Muammer Guler, informou que três policiais e três agressores morreram no incidente e que a polícia tenta identificar os homens armados, mas não quis fazer mais comentários.

O presidente turco Abdullah Gul condenou o atentado. A Turquia luta e continuará lutando contra mentalidades que organizam e estão por trás desses ataques. Todos podem notar que nada por ser alcançado por meio do terror, declarou em nota.

O incidente foi registrando em meio a fortes tensões políticas na Turquia despertada por uma ampla investigação de um suposto golpe para derrubar o governo.

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.