Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Segundo arranha-céu mais alto do mundo terá 632 metros e 127 andares

Xangai (China) 18 ago (EFE).- O segundo arranha-céu mais alto do mundo, do qual ainda não se conhece muitos detalhes, terá 632 metros de altura e 127 andares, segundo informa hoje a imprensa de Xangai, onde será construído junto aos dois prédios mais elevados da China, hoje terceiro e sexto maiores do mundo.

EFE |

Até agora a firma americana que projetou o edifício, a Gensler, não aceitava perguntas e só respondeu a Agência Efe sobre o projeto através de um comunicado.

Junto com seu parceiro local para a construção do arranha-céu, o Instituto de Projeto Arquitetônico da Universidade de Tongji, mantém silêncio sobre os detalhes.

Sabe-se que o prédio, que se chamará Centro de Xangai, terá 380.000 metros quadrados de superfície, e que será a segunda construção mais alta do mundo, só atrás da Torre Burj de Dubai (Emirados Árabes Unidos), que já alcança 630 metros de altura e que se espera estar completado por volta do final de ano com cerca de 800 metros.

O prédio, cuja futura altura foi confirmada hoje pelo jornal oficial "Shanghai Daily", completará o trio de grandes construções que, separadas por apenas algumas dezenas de metros, coroarão o distrito financeiro de Lujiazui, em 2014.

As construções humanas habitáveis mais altas do mundo são por enquanto a torre Burj de Dubai, seguida pela Taipé 101 (Taiwan, 508 metros), o Centro Financeiro Internacional Shanghai Hills, as torres Petronas de Kuala Lumpur (Malásia, 483 e 452 metros), a torre Sears de Chicago (EUA, 442 metros) e a Jin Mao de Shanghai. EFE jad/ma

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG