Tamanho do texto

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, apoiou a realização de uma reunião de cúpula mundial sobre a crise financeira, e se ofereceu para realizá-la em Nova York no início de dezembro.

Ban se reuniu com Sarkozy durante a reunião da francofonia, na qual o presidente francês repetiu sua idéia de uma reunião de cúpula do grupo dos 8 países mais industrializados (G7 mais a Rússia), para discutir antídotos para a crise do sistema financeiro.

"Ambos concordamos que não há tempo a perder e, por isso, apoio totalmente sua idéia de realizar o fórum no começo de dezembro, no mais tardar", disse Ban a Sarkozy em uma carta.

amc/dm