Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

SEC pede a Congresso dos EUA para regular mercado de seguros da dívida

Washington - O presidente da Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC, em inglês), Chris Cox, pediu nesta terça-feira ao Congresso americano que imponha regulação no mercado de seguros contra a suspensão de pagamento de dívida (credit default swap, CDS).

EFE |

Em uma audiência perante o Comitê dos Bancos do Senado, Cox disse que falta transparência nesse mercado, o qual "está completamente sem regulação".

"Peço que concedam, por lei, o poder de regular estes produtos (financeiros), a fim de realçar a proteção dos investidores e assegurar a operação de mercados eqüitativos e ordenados", disse.

As operações desse mercado, que movimenta US$ 58 bilhões, contribuíram à crise financeira, segundo alguns analistas, pois permitem aos investidores fazer ataques especulativos contra empresas.

Os CDS são usados como proteção na eventualidade de um prestatário não pague sua dívida e também para especular com a qualidade dos créditos outorgados.

Cox explicou que existem "oportunidades significativas para a manipulação" nesse mercado.

"Nem a SEC nem qualquer outra agência reguladora tem jurisdição sobre o mercado de CDS, nem sequer para exigir a divulgação de informação mínima", sustentou o presidente do órgão.

Ele destacou que a SEC iniciou uma investigação sobre a possível manipulação dos mercados através do uso desses derivados de crédito.

Leia tudo sobre: bancos

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG