Tamanho do texto

Evian (França), 8 out (EFE) - O presidente da França, Nicolas Sarkozy, elogiou hoje o acordo coordenado por Federal Reserve (Fed, autoridade monetária americana), Banco Central Europeu (BCE) e outras quatro instituições de reduzir as taxas de juros.

"É uma decisão excelente" para enfrentar a grave crise financeira, disse Sarkozy aos jornalistas, após discursar no encerramento da World Policy Conference em Evian.

"Esta redução de juros responde perfeitamente à situação a qual vivemos, à necessidade de liquidez dos bancos e à necessidade de facilitar os investimentos", acrescentou o presidente francês e de turno da União Européia (UE).

Pouco antes, em discurso perante a Conferência, Sarkozy tinha afirmado que "só a ação coordenada dos bancos centrais e dos Governos permitirá eliminar o risco sistêmico e garantir o financiamento das economias, porque não pode haver uma resposta isolada aos desafios globais". EFE vh/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.