Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Sarkozy convoca reunião com bancos e seguradoras

O risco de contaminação da Europa pela crise bancária internacional levou o presidente da França, Nicolas Sarkozy, a convocar os dirigentes dos principais bancos e seguradoras para uma reunião extraordinária, hoje, em Paris. O objetivo é discutir medidas para evitar que a crise se instale no país.

Agência Estado |

"Ninguém sabe exatamente o que vai acontecer", disse o secretário-geral do governo francês, Claude Géant, ao jornal Le Monde. "É claro que, se houver bancos franceses em dificuldade, o Estado intervirá."

Até o momento, os bancos Crédit Agricole, BNP Paribas, Société Générale, Crédit Lyonais, Popular e Caisse d'Epargne, os maiores do país, não parecem ameaçados, avaliam especialistas. Diferentemente do padrão anglo-saxão, na França os bancos atuam em múltiplas frentes. Nos EUA e no Reino Unido, as instituições são mais dependentes dos mercados financeiros.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG