Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

São Paulo motorizada

Maior evento automotivo da América Latina, o Salão do Automóvel de São Paulo abre as portas ao público em menos de três meses (no dia 30 de outubro), mas muitas atrações já têm presença garantida. Outras ainda são mantidas em segredo pelas fabricantes, mas o JC antecipa algumas delas.

Agência Estado |

Mesmo sem confirmação da Volkswagen, é certo que os visitantes do evento, que ocorrerá no Anhembi, conhecerão a versão sedã do Gol, que deve se chamar Voyage. Oficialmente, a empresa assegura que mostrará dois importados, o utilitário-esportivo Tiguan e o cupê Passat CC.

Já a Ford expõe a próxima geração do argentino Focus e o crossover Edge, que será importado do Canadá com motor V6 3.5, a gasolina, de 269 cv. A Citroën reserva para o evento a estréia da renovada " família" C5 (sedã e perua), além da versão quatro-portas do C4, que deverá ter dois motores flexíveis, 1.6 e 2.0.

O destaque da Honda será a segunda geração do Fit. Feito sobre nova plataforma, também trará novidades mecânicas, como motor 1.5 flexível.

A Fiat quer chamar a atenção com o 500 (Cinquecento, em italiano), reedição do simpático carrinho que fez grande sucesso nos anos 50 e será importado em breve. Outro destaque é o Punto Turbo, com motor 1.4 gasolina de 155 cv. Segundo fontes, essa versão do hatch será feita aqui.

Farão estréia nacional no salão importados como Volvo XC60 e Mercedes-Benz GLX. A alemã também deve mostrar aos brasileiros o CLC, que é montado em Juiz de Fora (MG). Entre os protótipos, a Toyota mostrará o 1/X, cujo motor elétrico pode ser recarregado em tomadas convencionais.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG