Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

São Carlos-SP concentrará pesquisa em bioenergia

Ribeirão Preto, SP, 21 - São Carlos, na região de Ribeirão Preto, terá, a partir de abril de 2010, a sua Cidade da Bioenergia, um espaço com 240 hectares que deverá concentrar pesquisas relacionadas a fontes renováveis de energia. O investimento em obras de infra-estrutura será de cerca de R$ 80 milhões, para criar essa iniciativa inédita na América Latina.

Agência Estado |

Com o novo espaço, a partir de 2010 a cidade também terá um local permanente para exposições, inclusive para organizar a Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação (Agrishow), que é realizada desde o seu início em Ribeirão Preto. Em 2009, o evento ainda será em Ribeirão Preto.

O prefeito Newton Lima Neto (PT) considera a criação da Cidade da Bioenergia um ato importante para São Carlos, que já é conhecida com a capital da tecnologia e que deverá se tornar uma vitrine do País no setor de tecnologia de bioenergia. O governo federal deverá investir R$ 50 milhões no empreendimento e a prefeitura gastará R$ 5 milhões. A Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq) deverá investir os outros R$ 25 milhões. A Abimaq organiza a Agrishow e sempre buscou um espaço definitivo para o maior evento de agronegócio do País.

A área da Cidade da Bioenergia será cedida pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). Em 2009, a Embrapa deverá inaugurar também em São Carlos o Laboratório Nacional de Nanotecnologia para o Agronegócio. O convênio de cooperação entre as partes foi assinado ontem em São Paulo por Lima Neto e os ministros da Agricultura, Reinhold Stephanes, e o da Ciência e Tecnologia, Sérgio Machado Resende. O prefeito eleito, Oswaldo Barba (PT), e o presidente da Embrapa, Silvio Crestana, também participaram do encontro.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG