Londres, 14 out (EFE).- A agência internacional de avaliação de risco Standard & Poors (S&P) manteve hoje invariável a qualificação do banco espanhol Santander, após esta instituição anunciar a compra da parte que ainda não tinha no americano Sovereign, 75,65% do capital.

Em comunicado divulgado em sua sede, em Londres, S&P disse que as qualificações continuavam sendo "AA" e "A-1+", com perspectiva estável.

A nova aquisição, no valor de US$ 1,9 bilhão, "proporcionará ao Santander uma boa entrada" em alguns estados do leste dos EUA, ressaltou a agência.

Além disso, "seu tamanho e impacto no capital será relativamente pequeno para o Santander", acrescentou.

O banco presidido por Emilio Botín, o maior banco por ativos na Espanha e um dos dez primeiros do mundo, adquiriu, nos últimos três anos, mais de 24% do banco americano.

Esta circunstância, de acordo com o S&P, limita os riscos, porque "o Santander já tem um bom conhecimento do banco americano". EFE ep/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.