A agência de classificação de risco Standard & Poors confirmou neste domingo a nota dos Estados Unidos, após o http://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2008/09/07/governo_americano_assume_controle_dos_gigantes_freddie_mac_e_fannie_mae_1701901.htmlanúncio das modalidades de salvamento com fundos públicos das companhias de refinanciamento hipotecário Fannie Mae e Freddie Mac.

Os Estados Unidos continuam com a nota "AAA" para sua dívida de longo prazo "A-1+" para o curto prazo, ou seja, a melhor nota possível na escala da S&P, devido a sua economia de altas rendas, altamente diversificada e de uma flexibilidade excepcional.

A perspectiva de evolução destas notas é estável, o que implica que a agência não pretende alterá-las a curto e médio prazo.

Leia mais sobre: mercado hipotecário

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.