Moscou, 23 out (EFE).- A Rússia extrairá este ano 7,3 milhões de barris de petróleo (1 milhão de toneladas) a menos que em 2007, segundo previsões antecipadas hoje pelo Ministério da Energia russo.

"Esperamos que no final do ano cheguemos ao nível dos 490 milhões de toneladas de petróleo, em comparação com os 491 milhões de toneladas que extraímos em 2007", disse o chefe do departamento de Petróleo e Gás do Ministério da Energia russo, Vitali Karaganov, citado pela agência "Interfax".

De acordo com a previsão oferecida pelo alto funcionário, a extração de petróleo na Rússia terá uma diminuição de 0,3% ou 0,4%.

Em agosto, o vice-primeiro-ministro russo e ministro das Finanças, Alexei Kudrin, disse que, este ano, a Rússia alcançou seu máximo índice de lucro com a venda de petróleo e gás, e indicou que, de agora em adiante, estes cairão.

Segundo Kudrin, a receita por gás e petróleo na Rússia representou 8,8% do PIB em 2007. Para 2008, espera-se que sejam de 11,2%; em 2009, de 9,1%, e, em 2010, de 7,7%. EFE bsi/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.