Tamanho do texto

Moscou, 10 jan (EFE).- A Rússia e a União Européia (UE) assinaram hoje o protocolo para a criação da comissão que controlará os envios de gás por território ucraniano, declarou o primeiro-ministro russo, Vladimir Putin, que disse que a Ucrânia será devidamente informado do fato.

Putin fez estas declarações ao término das negociações que manteve com seu colega tcheco, Mirek Topolanek, nos arredores de Moscou.

Representando a parte russa, o vice-primeiro-ministro Igor Sechin e o executivo-chefe da empresa Gazprom, Alexei Miller, assinaram o documento.

Por sua vez, Andris Piebalgs, comissário europeu de Energia, e Martin Rimam, ministro de Indústria e Comércio da República Tcheca, rubricaram o protocolo como representantes do bloco europeu.

"A parte ucraniana será informada da assinatura deste documento", disse Putin.

Até o momento, nenhum detalhe do acordo foi divulgado. EFE mb/sc