Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Rússia deve fornecer até 1 mi de t de trigo ao Brasil

Por Aleksandras Budrys MOSCOU (Reuters) - A Rússia discutiu a possibilidade de fornecer até 1 milhão de toneladas de grãos para o Brasil na atual temporada, parcialmente substituindo a oferta de trigo da Argentina, afirmou o ministro da Agricultura russo na quinta-feira.

Reuters |

Alexei Gordeyev explicou que o trigo não sairá dos estoques estatais russos se o acordo for finalizado, mas não deu detalhes sobre a origem do cereal. Uma delegação agrícola do Brasil em Moscou avalia a eliminação de barreiras sanitárias para os embarques ao Brasil.

"Concordamos com o ministro da Agricultura do Brasil que a Rússia poderia fornecer grãos ao Brasil, parcialmente substituindo a Argentina", disse Gordeyev.

"Discutimos um volume de até 1 milhão de toneladas, mas não atrelamos isso a cotas de carne ou outras condições", completou ele no intervalo de uma cerimônia de premiação agrícola.

O Brasil normalmente importa da Argentina a tarifa zero 90 por cento do trigo que compra no exterior.

A Argentina, entretanto, sofre com uma forte seca, que prejudicou sua produção agrícola. A safra argentina de trigo caiu pela metade, e o país está restringindo as exportações .

Na semana passada, o secretário de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento brasileiro, Welber Barral, afirmou que o governo iria abrir uma cota livre de tarifa para o trigo fora do Mercosul a partir de março.

O Brasil tem uma tarifa comum de importação de 10 pro cento para grãos com origem fora do Mercosul.

A Rússia colheu 108,1 milhões de toneladas de grãos em 2008, a maior quantidade desde 1990, incluindo um recorde histórico de 63,75 milhões de toneladas de trigo.

O país quer exportar mais de 20 milhões de toneladas de grãos da atual temporada até 30 junho, pelo menos 50 por cento mais do que nos 12 meses anteriores.

Questionado sobre se os embarques russos ao Brasil seriam competitivos em termos de preço, Gordeyev respondeu: "Isso vai depender das condições de mercado".

A assessoria do Ministério da Agricultura do Brasil afirmou que ainda não houve resposta da missão que está na Rússia.

Os Estados Unidos e o Canadá são os outros dois únicos países de fora do Mercosul cujas barreiras sanitárias foram eliminadas para exportação de trigo ao Brasil. A América do Norte embarcou mais de 1 milhão de toneladas ao Brasil em 2008.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG