Por Doug Palmer LIMA (Reuters) - O chefe da Organização Mundial do Comércio (OMC), Pascal Lamy, não deve convocar outra reunião ministerial a menos que haja um boa chance para avançar, disse na sexta-feira a principal autoridade comercial de Estados Unidos.

"Acredito que estamos convencidos de que não se pode suportar outro fracasso ministerial", disse à Reuters Susan Schwab, representante comercial de Estados Unidos, durante a reunião de líderes da Apec, que começa neste sábado em Lima.

Schwab, no entanto, afirmou que acredita ser possível um avanço nas negociações e que a perspectiva de uma reunião ministerial é necessária para obrigar os países a avaliar as concessões necessárias para que se alcance um acordo.

Ao ser perguntada se os Estados Unidos estavam preparados a se comprometer para resolver o impasse, Schwab disse: "A resposta é sim. Entendemos que devemos contribuir."

Os presidentes de EUA, George W. Bush, e da China, Hu Jintao, junto com líderes de outros 19 países estão reunidos na capital peruana para p fórum de Cooperação Econômica Ásia Pacífico (Apec) e se espera que emitam uma declaração conjunta no domingo, fazendo um apelo por avanços na Rodada de Doha antes do fim de 2008.

(Por Todd Eastham)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.