Tamanho do texto

Um retrato feito por Francis Bacon de seu amante, Georges Dyer, que se suicidou num hotel de Paris em 1971, foi vendido hoje por 17,3 milhões de euros num leilão da casa Sothebys, em Londres.

A pintura "Estudo da cabeça de George Dyer", realizada por Bacon (1909-1992) em 1967, estava estimada em mais de 8 milhões de libras (10,1 milhões de euros) pela Sotheby's.

A tela retratando aquele que foi o grande amor de Bacon pertencia a um colecionador privado há 40 anos.

ame/jz/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.