Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Resultado do PIB melhora humor nas Bolsas de NY

As Bolsas de Nova York abriram o pregão desta sexta-feira em alta, após os índices futuros de ações permanecerem durante quase toda a manhã no território negativo. A mudança de direção veio após a divulgação de queda do 3,8% Produto Interno Bruto (PIB) dos EUA no quarto trimestre.

Agência Estado |

Embora essa tenha sido a maior contração do PIB desde a queda de 6,4% registrada no primeiro trimestre de 1982, o resultado ficou melhor que o declínio de 5,5% esperado por analistas.

Às 12h35 (de Brasília), o índice Dow Jones ganhava 0,35% a 8.177 pontos; o Nasdaq subia 0,80% a 1.519 pontos, enquanto o S&P 500 operava em alta de 0,52% a 849 pontos.

Além do PIB, a manhã foi movimentada também no campo corporativo, com a divulgação de balanços por parte de grandes empresas. A ExxonMobil, maior petroleira do mundo, registrou queda de 33% de seu lucro líquido no quarto trimestre do ano passado, para US$ 7,82 bilhões. O resultado veio melhor do que o esperado por analistas e as ações do grupo subiam 1,83% no pré-mercado. Chevron, ao contrário, recuava 1,90%, após anunciar que obteve lucro líquido US$ 4,9 bilhões no quarto trimestre.

Procter & Gamble recuava 3%, embora tenha anunciado lucro líquido de US$ 5 bilhões no quarto trimestre, ou US$ 1,58 por ação, em linha com a previsão de analistas. Honeywell perdia 1,19%, após informar que o lucro líquido do quarto trimestre de 2008 aumentou 2,6%, para US$ 707 milhões (US$ 0,97 por ação).

Outra companhia que estará no foco dos investidores hoje é a Amazon.com, que ontem, após o fechamento, anunciou lucro 9% maior no quarto trimestre do ano passado, superando as previsões de analistas. Suas ações disparavam 13% no pré-mercado. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: bolsa de valores

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG