Washington, 27 ago (EFE).- As reservas de petróleo nos Estados Unidos caíram em 100 mil barris na semana passada, para 305,8 milhões, anunciou hoje o Departamento de Energia.

A agência informou que com essa variação, as reservas de petróleo estão dentro da média para a época do ano.

As reservas chegavam a 305,9 milhões de barris na semana anterior, quando o volume foi 6,1% inferior ao de um ano antes.

Imediatamente após divulgados os dados oficiais, o preço do Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) para entrega em outubro subiu US$ 1,56, para US$ 117,83 por barril (159 litros) na Bolsa Mercantil de Nova York.

Em relação aos estoques de gasolina, o relatório informa que caíram 1,2 milhão de barris (0,6%), para 195,4 milhões, número menor se comparado aos 196,6 milhões da semana anterior.

Na Bolsa Mercantil de Nova York, o preço da gasolina para entrega em outubro subiu US$ 0,656, para US$ 3,0353 por galão.

As reservas de combustível para calefação se mantiveram estáveis em 132,1 milhões de barris.

Na Bolsa Mercantil de Nova York, o preço do combustível para calefação para entrega em outubro subiu US$ 0,634 por galão e ficou em US$ 3,2733.

O relatório assinalou, além disso, que na semana passada as refinarias petrolíferas nos Estados Unidos operaram 87,3% de sua capacidade, frente aos 87% da semana anterior.

Os dados divulgados excluem a Reserva Estratégica de Petróleo do Governo dos EUA, que conta com 707,2 milhões de barris, o mesmo volume da semana anterior. EFE jab/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.