Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Reserva de Jubarte pode ter quatro vezes mais gás

As reservas sob a camada de sal no Campo de Jubarte, na Bacia de Campos, podem conter até quatro vezes mais gás do que as estimadas pela Petrobras quando prospectava apenas na rocha. A informação foi confirmada na última terça-feira pelo gerente dos projetos de Exploração do Parque das Baleias, Mauro Coutinho.

Agência Estado |

Essa perspectiva forma uma das bases nas quais a estatal tem se apoiado para desenvolver internamente o projeto de construção de uma rede de gasodutos em alto-mar (offshore), a exemplo da que existe no Golfo do México, nos Estados Unidos. A idéia é unir, ainda por mar, os campos produtores localizados ao norte e ao sul da costa do Espírito Santo e, assim, facilitar o escoamento para uma das três unidades de processamento de gás localizadas no litoral capixaba. Todas elas também deverão passar por ampliação nos próximos anos.

Coutinho não fala em valores e acredita que o projeto nem sequer deverá entrar na íntegra na revisão do Plano de Investimentos da estatal petrolífera, previsto para ser anunciado em outubro, referente ao período de 2009-2013. Segundo especialistas, no entanto, os valores envolvidos para a construção da rede de gasodutos ficaria entre US$ 2 bilhões e US$ 4 bilhões, dependendo dos volumes e sem considerar a ampliação das unidades de processamento em terra. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Leia mais sobre petróleo

Leia tudo sobre: petroleo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG