A petroleira espanhola Repsol anunciou ontem ter encontrado indícios de petróleo e gás no bloco BM-S-48, na Bacia de Santos, onde tem parceria com a Petrobras e a Woodside. O poço foi batizado de Panoramix e está localizado a 185 quilômetros do litoral paulista, próximo ao campo de Merluza, primeiro produtor da bacia.

A companhia, porém, não divulgou o volume encontrado, alegando que precisará de novos testes para quantificá-lo.

"A estimativa dos volumes de hidrocarbonetos somente será possível em uma etapa posterior à fase preliminar de avaliação", afirmou a empresa, em nota oficial. Os indícios foram encontrados em profundidades entre 3.760 metros e 4.602 metros. A empresa não sabe também se a descoberta tem mais petróleo ou gás natural, o que vai depender de novas análises.

A Repsol é a segunda companhia em número de concessões e a terceira em produção de petróleo no Brasil, com 24 concessões exploratórias na costa brasileira, algumas delas na área do pré-sal na Bacia de Santos. A companhia é sócia ainda da Petrobrás no campo de Albacora Leste, na Bacia de Campos. Recentemente, vendeu suas operações de distribuição de combustíveis para a AleSat.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.