Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Renda fixa lidera com folga rentabilidade em 2008

SÃO PAULO - A crise financeira internacional, a inflação e o aumento da taxa básica de juros colocaram os investimentos em renda fixa como os mais atrativos deste ano. No acumulado entre janeiro e julho, o Certificado de Depósito Interbancário (CDI) se mostrou o mais rentável do mercado, com alta média de 6,52%. Logo atrás aparece o Certificado de Depósito Bancário (CDB), com rentabilidade de 6,45%.

Valor Online |

No entanto, nem essas aplicações conseguiram ultrapassar a inflação registrada pelo Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M), que subiu 8,71% de janeiro a julho. Ganharam, porém, do IPCA-15 (indicativo do índice oficial), que acumulou alta de 4,33% nesse intervalo.

A caderneta de poupança completa o grupo dos investimentos que deram retorno, com alta de 4,22% nos sete primeiros meses do ano.

Já em território negativo, o ouro gerou perda acumulada de 3,93% no período, enquanto o euro perdeu 6,31%. O mercado acionário, representado pelo Índice Bovespa (Ibovespa) mostrou queda de 6,86%, enquanto o dólar, mais abaixo, caiu 12,04%.

Se considerado apenas o mês de julho, a liderança permanece com o CDI, que avançou 1,06%, seguido pelo CDB, com alta de 0,95%. A poupança surge mais atrás, com rentabilidade de 0,69%. No vermelho ficaram o ouro (-1,9%), o dólar (-2,13%), o euro (-2,49%) e o Ibovespa (-8,48%).

(Murillo Camarotto | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG