Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Renda do agricultor europeu cai 4,3% em 2008

GENEBRA - A renda real por agricultor diminuiu 4,3% este ano nos 27 países da União Européia (UE), depois de ter crescido 12,2% em 2007, de acordo com estatísticas divulgadas hoje em Bruxelas. Segundo a UE, a queda é resultado de baixa de 6,3% na renda agrícola em geral e de uma redução de 2,1% na mão-de-obra agrícola.

Valor Online |

A UE diz que a diminuição da renda agrícola é também resultado da alta da produção agrícola de 4,3%, de um forte aumento dos custos de insumos em 10,8%, de queda no valor real das subvenções em 1,5% e de aumento de amortizações de 2,4%.

Este ano, a renda agrícola cresceu, sobretudo, na Bulgária, na Romênia e na Hungria e caiu mais na Bélgica e na Estônia.

Em todo caso, o agricultor europeu continua sendo motivado por bilhões de subsídios dados por Bruxelas. Entre 2000 e 2008, a renda agrícola real por agricultor aumentou 17,2% - chegou mesmo a 73,7% nos 12 novos estados membros.

(Assis Moreira | Valor Econômico para Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG