Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Relatório de inflação do BC deve traçar cenário tranqüilo

O relatório de inflação que o Banco Central (BC) divulgará na próxima segunda-feira, dia 29, deverá trazer cenários razoavelmente tranqüilizadores para o Brasil, a despeito da crise financeira global, dizem economistas próximos à autoridade monetária.

Agência Estado |

Acordo Ortográfico

E, por isso mesmo, talvez o documento enfrente novamente críticas de "serenidade exagerada" por parte de profissionais do mercado financeiro.

O BC já foi criticado na divulgação do relatório de junho, quando o texto não confirmou os cenários pessimistas para a inflação traçados por agentes do mercado. Mas o tempo deverá mostrar que o BC está certo, apostam tais fontes.

Para eles, mesmo com a permanência de fatores de risco latentes e importantes, o Brasil está em melhor situação que outros países. Eles observam que para o País começar a sentir alguns efeitos, como o estreitamento de liquidez, a crise externa precisou ser muito grave.

"Quem está no mundo vai sentir os efeitos dessa situação, mas o Brasil está preparado para lidar com essa situação internacional adversa", diz uma das fontes. "E a autoridade monetária já mostrou que tem agilidade para tomar medidas necessárias para mitigar o estresse", completa, referindo-se ao leilão de venda de dólar conjugado com compra futura, realizado na última sexta-feira (dia 19), e às medidas de ajuste nas regras de recolhimento de depósitos compulsório, anunciadas ontem. Nos dois casos, foram ações pontuais, mas sem impedir que o mercado ajustasse preços, que refletem o quadro de crise.

Segundo os economistas, não há grandes situações de risco no horizonte brasileiro até agora. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Leia mais sobre relatórios de inflação do BC

Leia tudo sobre: inflação bc

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG