Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Relator prevê cortes de R$ 13 bi no Orçamento de 2009

O relator-geral do Orçamento, senador Delcídio Amaral (PT-MS), entregou nesta terça-feira parecer preliminar do Orçamento de 2009 à Comissão Mista de Orçamento (CMO) com previsão de cortes de até 20% na área de custeio da máquina pública. O relator não descarta também revisar a previsão de investimentos e estima que, no total, os cortes na peça orçamentária devem ficar entre 12 e 13 bilhões de reais.

Carol Pires, Último Segundo/Santafé Idéias |

 

"Nossa preocupação foi de fazer um relatório cauteloso, austero. Não podíamos apresentar um parecer ignorando o cenário atual [de crise financeira internacional]", disse o relator.

Delcídio propõe como forma de blindar a economia nacional da crise a criação de um fundo com recursos oriundos destes cortes para ser usado pelo governo como superávit primário, cuja meta do próximo ano é de 3,8% do Produto Interno Bruto (PIB).

O relator garante, porém, que apesar da previsão de cortes em custeio e investimentos, o salário mínimo de R$ 464,72 e os investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) deverão ser mantidos.

O relatório deve ser votado na CMO no próximo dia 28.

Mais notícias

 

Para saber mais

 

Serviço 

 

Opinião

Leia tudo sobre: orçamento

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG