Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Reino Unido enfrenta forte recessão, avisa BC britânico

SÃO PAULO - O presidente do Banco da Inglaterra, Mervyn King, alertou nesta quarta-feira que o Reino Unido está enfrentando uma recessão profunda e avisou que os cortes na taxa de juro podem não funcionar mais. No Relatório Trimestral de Inflação divulgado nesta quarta-feira, o banco central britânico avalia que o ritmo de deterioração da atividade econômica está acelerando e que, no primeiro semestre do ano, a economia do Reino Unido deve declinar acentuadamente. Também acena com a chance de que a recessão será mais longa e mais profunda do que o previsto antes. A projeção do BC britânico é de uma contração de 4% na economia de meados de 2008 a meados deste calendário.

Valor Online |

A autoridade monetária afirmou que tomará medidas para injetar mais dinheiro na economia e observou que restaurar a confiança e o crédito não será uma tarefa fácil e tomará tempo.

Desde outubro do ano passado, o Banco da Inglaterra reduziu a taxa básica de juro de maneira agressiva, que partiu de 5% para 1%, nível histórico de baixa, visando a incentivar a economia combalida.

(Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG