Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Regulador britânico aumentará seu controle sobre a atividade no varejo

Londres - A Autoridade de Serviços Financeiros (FSA) britânica deseja aumentar seu controle sobre as atividades no varejo dos bancos, que até agora se regulavam a si mesmos nesta área, publica a edição desta quarta-feira do Financial Times.

EFE |

A FSA, entidade que regula o setor financeiro, propõe ampliar suas competências para passar a supervisionar a conduta dos bancos em suas atividades comerciais, como a gestão de contas bancárias, empréstimos pessoais, economias, serviços de cartão e caixas automáticos.

Todas estas áreas são agora supervisadas pelo Conselho de padrões no código bancário, uma entidade constituída por representantes do próprio setor no qual a FSA tem uma influência limitada.

"Os bancos no varejo atravessam um período de rápida mudança e a regulação deve manter o ritmo", declarou o diretor de mercados no varejo da entidade reguladora, Jon Pain.

Para garantir que a norma se ajuste a estas mudanças, a FSA acredita que deve controlar "aspectos mais amplos da atividade bancária cotidiana para todos os consumidores", conclui.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG