O secretário executivo do Ministério de Minas e Energia, Márcio Zimmermann, disse hoje que as diretrizes para o leilão da hidrelétrica de Belo Monte, no Rio Xingu, devem sair na próxima semana. Com potência instalada de 11.

233 megawatts (MW), a usina deverá ser leiloada entre os dias 7 e 20 de dezembro. Zimmermann lembrou ainda que apenas após a definição das diretrizes é que será conhecida a forma de participação da Eletrobrás na licitação.

Em entrevista, o secretário mostrou-se favorável à participação das subsidiárias da Eletrobrás como concorrentes dentro dos consórcios, da mesma maneira que ocorreu no leilão das usinas de Jirau e Santo Antônio, no Rio Madeira. "Acho que (o modelo do leilão do Complexo do Madeira) já foi testado e deu bem certo, porque proporcionou uma competição bárbara", afirmou.

Apesar disso, Zimmermann disse que ainda não está descartada a adoção do modelo "noiva", no qual a Eletrobrás aguardaria o resultado da licitação para, somente depois, associar-se ao consórcio vencedor. Se isso ocorrer, a estatal torna públicas suas condições para entrar no leilão, para que as empresas conheçam e possam decidir como agir.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.