Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Recurso da Nossa Caixa será usado em investimentos, afirma secretário de Fazenda

O secretário de Fazenda de São Paulo, Mauro Ricardo Machado Costa, afirmou nesta quinta-feira que o dinheiro que o Estado receberá com a venda da Nossa Caixa para o Banco do Brasil será usado em investimentos, e não para composição de caixa.

Carol Pires, Último Segundo/Santafé Idéias |

 Costa afirma, porém, que a negociação com o Banco do Brasil ainda não está concluída. Ele explicou que a venda do banco não afetará o mercado financeiro de São Paulo, uma vez que "não há hoje a necessidade do Estado ter um banco comercial do tamanho do Nossa Caixa". Na opinião dele, "há, sim, a necessidade de um banco de fomento", disse o secretário.

A depender da oferta que será feita pelo Banco do Brasil aos acionistas minoritários da Nossa Caixa, o valor da compra do banco do Estado de São Paulo pode chegar a R$ 7 bilhões.

A transação poderá movimentar o ranking dos maiores bancos nacionais, após a fusão, na semana passada, do Itaú com o Unibanco, formando o maior banco brasileiro, seguido pelo Banco do Brasil.

Leia tudo sobre: nossa caixa investimento

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG