Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Recessão nos EUA derruba bolsas asiáticas; HK cai 5%

Os mercados asiáticos fecharam em forte queda, no encalço do péssimo desempenho de Wall Street. As bolsas regionais reagiram mal à confirmação de que os Estados Unidos estão oficialmente em recessão.

Agência Estado |

A exceção foi Xangai, que teve ligeira baixa, mas por conta de fatores internos. A Bolsa de Hong Kong foi também influenciada pela fraqueza dos demais mercados regionais. Com fraco volume de negociações, o índice Hang Seng perdeu 702,99 pontos, ou 5%, e terminou aos 13.405,85 pontos.

Na China, as contínuas preocupações sobre a redução do crescimento da economia doméstica levaram a Bolsa de Xangai a fechar em ligeira queda. O índice Xangai Composto recuou 0,3% e encerrou aos 1.889,64 pontos. Por sua vez, o Shenzhen Composto ganhou 1,4% e fechou aos 562,47 pontos. Yuan - Pela segunda sessão seguida, o yuan se desvalorizou no limite de sua banda de negociação em relação ao dólar (6,8870 yuans). A demanda pela moeda norte-americana aumentou com as expectativas de que o Banco Central irá permitir depreciações adicionais da unidade chinesa. No mercado de balcão, às 4h30 (de Brasília), o dólar era cotado em 6,8868 yuans, de 6,8848 yuans do fechamento de segunda-feira.

O pânico por vendas tomou conta da Bolsa de Taipé, em Taiwan. O índice Taiwan Weighted caiu 3,6% e terminou aos 4.356,98 pontos, após cinco pregões consecutivos de ganhos. A Bolsa de Seul, na Coréia do Sul, chegou a reduzir as perdas na esperança de uma recuperação em Wall Street. O índice Kospi fechou em queda de 3,3%, aos 1.023,20 pontos. O corte de 1 ponto porcentual na taxa básica de juros da Austrália, anunciado hoje pelo banco central do país, não impediu que a Bolsa de Sydney fechasse em queda. O índice S&P/ASX 200 perdeu 4,2% e encerrou na mínima de 3.528,2 pontos. Em Manila, nas Filipinas, a forte queda de ontem em Wall Street e a realização de lucros após as altas recentes levaram o índice PSE da Bolsa de Manila a recuar 4,7% e fechar aos 1.879,87 pontos.

A Bolsa de Cingapura teve baixa, seguindo Wall Street, uma vez que os investidores perderam seu apetite por risco com temores de que o declínio na maior economia do mundo esteja reduzindo a demanda global. O índice Straits Times caiu 3% e fechou aos 1.639,18 pontos. Às 7h45 (de Brasília), o índice SET da Bolsa de Bangcoc, na Tailândia, cedia 1,7%, aos 384,24 pontos. O mercado indonésio recuou pela segunda sessão seguida, afetado pela desvalorização da rupia e pelo declínio nos mercados regionais depois da queda em Wall Street. O índice composto da Bolsa de Jacarta cedeu 2,6% e fechou aos 1.191,36 pontos. O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur recuou 0,3% e fechou aos 845,75 pontos. As informações são da Dow Jones

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG