Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Receita cambial com café subiu 20% até outubro, divulga Cecafé

São Paulo, 06 - Levantamento do Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé) divulgado hoje mostra que a receita cambial com exportação de café (verde e solúvel) no acumulado dos primeiros dez meses deste ano cresceu 19,7%, em relação ao mesmo período do ano passado. O faturamento é de US$ 3,760 bilhões, ante US$ 3,141 bilhões no mesmo período de 2007.

Agência Estado |

O volume da exportação brasileira de café totalizou 23,056 milhões de sacas de 60 quilos nos dez primeiros meses, com redução de 0,8% em relação ao mesmo período de 2007 (23,234 milhões de sacas).

Desse total, o volume de café verde exportado pelo Brasil no período caiu 0,7%. Foram embarcadas 20,350 milhões de sacas, em comparação a 20,487 milhões de sacas em 2007. Do total de grão verde exportado no período, o embarque de arábica teve queda de 3,8% em volume, de 19,263 milhões de sacas para 18,539 milhões de sacas. Já o volume de café conillon teve crescimento de 47,9% no período, de 1,224 milhão de sacas para 1,811 milhão de sacas.

Quanto ao desempenho das exportações de café solúvel, o levantamento do Cecafé mostra pequena retração de 1,5% no período, em volume. Foram embarcadas 2,706 milhões de sacas em equivalente de café solúvel, em comparação com 2,746 milhões de sacas nos primeiros dez meses do ano passado.

Volume

O volume de café verde exportado em outubro apresentou elevação de 9,4% em comparação ao mesmo mês de 2007. Foram embarcadas 2,778 milhões de sacas de 60 quilos, ante 2,540 milhões de sacas em outubro de 2007, conforme levantamento do Cecafé.

Considerando o volume solúvel embarcado, o total de café exportado pelo Brasil em outubro alcança 3,018 milhões de sacas, representando aumento de 6,7% ante mesmo mês de 2007 (2,827 milhões de sacas).

O Cecafé informou ainda que a receita cambial com o produto teve elevação de 21,1% no mês passado em relação ao mesmo mês de 2007. Os exportadores faturaram US$ 493 milhões, em comparação com US$ 407,1 milhões em outubro do ano passado.

Anterior à Crise

Conforme o diretor geral do Cecafé, Guilherme Braga, o aumento da receita é reflexo de contratos firmados anteriormente à crise financeira. Braga admite, no entanto, que a situação econômica mundial irá interferir no comércio do café: "Espera-se alguma alteração nos próximos meses em virtude da escassez de crédito e do encarecimento das taxas cambiais. Estas são questões que ainda não foram solucionadas e que devem refletir no escoamento da safra corrente".

O volume exportado em equivalente de café solúvel em outubro foi de 239.759 sacas, representando queda de 16,5%, em comparação com o mesmo mês de 2007 (287.278 sacas).

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG