Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Queda nas exportações pressiona PIB da Alemanha

SÃO PAULO - O Produto Interno bruto (PIB) da Alemanha caiu 0,5% no terceiro trimestre de 2008, com relação ao trimestre anterior, pressionado principalmente pelo déficit na balança comercial. A medição, que respeitou os ajustes de preço, de calendário e as variações sazonais, foi realizada pelo Departamento Federal de Estatísticas da Alemanha.

Valor Online |

De acordo com o órgão, no período que vai de julho a setembro desse ano, as exportações do país registraram um declínio de 0,4% com relação ao período anterior, enquanto as importações cresceram 3,8%.

A formação de capital fixo mostrou alta de 0,1%, puxada pelos aportes na construção civil. No subitem de compra de máquinas e equipamentos houve queda de 0,5%, depois de sete trimestres seguidos de alta.

Em contrapartida, quando comparado com o mesmo período de 2007, o PIB da Alemanha cresceu 1,3%, na medida ajustada pelo preço. O desempenho econômico na comparação anual foi impulsionado pelo aumento do emprego no país.

O terceiro trimestre de 2008 registrou 40,5 milhões de pessoas empregadas na Alemanha, o que representa um crescimento de 1,5% (582 mil pessoas) com relação ao ano passado. O setor financeiro e de negócios empregou mais 234 mil pessoas (+3,4%), enquanto os empregos na indústria cresceram +1,4%. Por outro lado, a produtividade do trabalho no país caiu 0,1% no período.

(Vanessa Dezem | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG