Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Queda de preços impulsiona confiança do consumidor dos EUA

NOVA YORK (Reuters) - A confiança do consumidor norte-americano aumentou em dezembro, em meio a um declínio dos preços, mas a fraqueza do mercado de trabalho e da renda continuou a pesar sobre o humor. O índice de confiança Reuters/Universidade de Michigan divulgado nesta terça-feira ficou em 60,1 neste mês, ante 55,3 em novembro.

Reuters |

O dado ficou acima da previsão de analistas de uma leitura de 58,6 e foi o maior desde setembro.

A pesquisa acrescentou, no entanto, que "tirando a alta resultante dos não habituais descontos pré-feriados, o índice de sentimento teria ficado praticamente estável".

"Mais consumidores esperam quedas de preços do que em qualquer outra pesquisa desde 1960. Em dezembro, 23 por cento esperam deflação no ano à frente, três vezes o nível registrado há apenas dois meses."

As expectativas de inflação de um ano caíram para 1,7 por cento em dezembro, menor nível desde julho de 2003, ante 2,9 por cento em novembro.

O componente de condições atuais do índice aumentou para 69,5 neste mês, contra 57,5 em novembro, enquanto o de expectativas aumentou ligeiramente para 54, contra 53,9 no mês passado.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG