Moscou, 5 jan (EFE).- O primeiro-ministro da Rússia, Vladimir Putin, ordenou a redução do abastecimento de gás na fronteira com a Ucrânia no mesmo volume em que o combustível russo foi roubado no país vizinho em seu trânsito para a Europa.

EFE bsi/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.