BRASÍLIA - Os senadores do PSDB Marisa Serrano (MS), Marconi Perillo (GO), Álvaro Dias (PR) e Flexa Ribeiro (PA) são os indicados do partido para integrarem a Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) dos Cartões Corporativos. A informação foi confirmada pelo líder do partido, Arthur Virgílio (AM).

Colocaremos guerrilheiros na CPMI para investigar absolutamente tudo, disse.

Marisa Serrano é a indicada para assumir a presidência da comissão depois que o PMDB cedeu o cargo para o partido. O PT na Câmara questiona esse acordo e, apesar de ter a vaga da relatoria, promete brigar pela presidência.

O acordo está de pé. Acertamos isso e vamos ficar inabaláveis. Não vamos fazer papel de peteca, vamos ficar firmes na nossa posição, disse Virgílio. Ele voltou a garantir que se o acordo não for mantido, irá trabalhar pela instalação da CPI dos Cartões Corporativos apenas no Senado. Mas não vamos desistir da mista. Vamos ficar nas duas, disse.

Na semana que vem, o líder do PT na Câmara, Maurício Rands (PE), tem reunião marcada com o líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), e com o ministro das Relações Institucionais, José Múcio Monteiro, para discutir o assunto.

(Agência Brasil)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.