Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Provável corte da Opep não segura queda de 3,8% do Texas

Nova York, 15 dez (EFE).- O preço do barril do Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) caiu hoje 3,8% e fechou a US$ 44,51 em Nova York, apesar das expectativas de que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) decida ainda nesta semana cortar significativamente suas cotas de produção.

EFE |

Ao terminar o pregão na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos do Texas (WTI, leve) caíam US$ 1,77 em relação ao preço de sexta-feira e fechavam em baixa pelo segundo dia consecutivo.

Os contratos da gasolina para entrega em janeiro caíam US$ 0,4 frente à cotação anterior e finalizaram a US$ 1,0369 o galão (3,78 litros) e os de gasóleo para esse mesmo mês tinham baixa de US$ 0,3, para fechar a US$ 1,4601.

O gás natural para janeiro, pelo contrário, subiu US$ 0,16 e terminou a US$ 5,64 por mil pés cúbicos.

O valor do petróleo Texas caiu depois de superada, na metade do pregão, a tendência de alta que tinha mostrado desde o início do dia e que o levou a tocar a marca de US$ 50,05 por barril (159 litros) pela primeira vez desde 1º de dezembro.

A queda do preço do petróleo ocorreu hoje apesar inclusive da desvalorização do dólar perante o euro e outras divisas, algo que em vários pregões tinha favorecido um encarecimento da commodity. EFE vm/rr

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG