Os integrantes das duas comissões especiais da Câmara que analisam o projeto de partilha para a exploração do petróleo na camada do pré-sal e o que define a capitalização da Petrobras rejeitaram hoje todos os destaques apresentados aos textos. A derrubada dos destaques e aprovação dos textos marca o fim da etapa de discussão do marco regulatório do pré-sal nas comissões especiais.

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=economia%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237573677865&_c_=MiGComponente_C

Agora os projetos precisam ser discutidos e votados no plenário da Câmara.

Nove destaques foram apresentados ao projeto de capitalização da Petrobras e os nove foram derrubados. Quando ao projeto da partilha, inicialmente tinha sido apresentado nove destaques mas, no início da votação, um deles foi retirado. Os oito destaques restantes também foram rejeitados.

Agora, o governo precisa aprovar a urgência para a tramitação dos quatro projetos em plenário. O governo espera ver as propostas aprovadas até meados de dezembro. Após a aprovação na Câmara, os textos seguirão para análise no Senado Federal.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.