A Petrobras informou hoje que produziu uma média diária de 2,556 milhões de barris de petróleo e gás em março. O volume é 0,7% superior ao verificado no mesmo período do ano anterior, mas mostra pequena queda com relação a fevereiro deste ano, quando a produção foi de 2,560 milhões de barris de óleo equivalente por dia.

A Petrobras informou hoje que produziu uma média diária de 2,556 milhões de barris de petróleo e gás em março. O volume é 0,7% superior ao verificado no mesmo período do ano anterior, mas mostra pequena queda com relação a fevereiro deste ano, quando a produção foi de 2,560 milhões de barris de óleo equivalente por dia.

Considerando apenas os campos no Brasil, a produção de petróleo e gás em março foi de 2,309 milhões de barris por dia e, segundo comunicado distribuído pela companhia, ficou no mesmo patamar registrado em março de 2009. A produção apenas de petróleo no Brasil foi de 1,993 milhão de barris por dia, alta de 6,2 mil barris por dia com relação ao mês anterior e no mesmo nível do verificado no ano anterior. Segundo a companhia, a alta com relação a fevereiro teve impacto do início no teste de longa duração do poço Tiro, na Bacia de Santos, com capacidade para produzir 20 mil barris por dia.

No exterior, a produção diária da companhia somou 246,9 mil barris de óleo equivalente em março, alta de 10,9% com relação ao mesmo período do ano anterior. O bom desempenho reflete o início da produção dos campos de Akpo e Agbami, na Nigéria.

A produção de gás natural dos campos nacionais da estatal atingiu 50,134 milhões de metros cúbicos por dia em março, também estável em relação ao ano anterior. Já a produção de gás no exterior cresceu 0,9%, devido à maior demanda pelo gás boliviano, para 16,530 milhões de metros cúbicos por dia.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.