Bangcoc, 10 mai (EFE).- A produção mundial de arroz aumentará este ano 4%, para 710 milhões de toneladas, afirmou hoje a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO).

Bangcoc, 10 mai (EFE).- A produção mundial de arroz aumentará este ano 4%, para 710 milhões de toneladas, afirmou hoje a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO). Em comunicado divulgado em Bangcoc, a FAO disse que Bangladesh, Iraque, Nepal, Sri Lanka e Filipinas serão os países que mais aumentarão as compras de arroz porque suas colheitas foram afetadas por secas e inundações. "As importações dos países europeus e da América Latina também aumentarão, enquanto na África se verão reduzidas", acrescentou o organismo da ONU. Somente na Ásia, sobretudo China, Tailândia e Mianmar, a produção alcançará este ano os 643 milhões de toneladas, 29 milhões mais que em 2009. Segundo a FAO, a Índia, devido às restrições sobre as exportações, assim como o Brasil e Uruguai reduzirão a venda de arroz para o mercado externo. As previsões situam o consumo mundial em um crescimento de 2,1%, para 454 milhões de toneladas. De acordo com o índice de preços da FAO, o grão passou dos 271 para os 251 pontos desde janeiro de 2009 e 2010 e, em abril passado, voltou a cair para 206 pontos, o que prejudica a receita dos produtores. EFE grc/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.