Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Produção industrial deve voltar a cair em janeiro

A produção industrial provavelmente vai apresentar nova redução em janeiro em relação a dezembro, de acordo com economistas ouvidos pela Agência Estado. Para o superintendente da Área de Pesquisas Econômicas do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Ernani Torres Filho, porém, a diminuição da produção industrial em janeiro não deve ser tão forte quanto a de dezembro, quando a queda em relação a novembro foi de 12,4%.

Agência Estado |

"Em dezembro teve redução forte. Mas não é para assustar, nem se deve projetar com base nisso, porque é um ajuste de estoque da economia que não é só no Brasil, está acontecendo no mundo todo", afirmou Torres Filho. Ele considera que pode haver excesso de estoque em janeiro.

É o que indica a Sondagem da Indústria de Transformação da Fundação Getúlio Vargas (FGV) de janeiro, cuja coleta de informações foi entre os dias 5 e 26 do mês passado. A pesquisa teve 21,8% das empresas entrevistadas classificando seus estoques como excessivos e 0% como insuficientes. O porcentual de 21,8% foi o maior da série ajustada para tirar os efeitos típicos da época do ano desde julho de 2003 e ficou acima do de dezembro que foi de 21%.

O professor da PUC-Rio e economista-chefe da Opus Gestão de Recursos, José Márcio Camargo, comenta que a produção atualmente é financiada pelos bancos e com a crise, está faltando capital de giro para várias empresas manterem a produção e às vezes até o nível de emprego. "Isso aconteceu em outubro, novembro, dezembro e provavelmente janeiro", disse. "A economia moderna funciona à base de crédito e há uma forte contração do crédito." As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG